Baby Blues – Minha Experiência


A chegada de um bebê em casa muda tudo não é mesmo?? Nós, mamães de primeira viagem sentimos um misto de sentimentos super doidos e de alterações hormonais. Hoje vou contar pra vocês minha experiencia na primeira semana em casa com a Luiza.
Bom gente, tudo que eu queria e sonhei a minha gestação inteira era chegar logo em casa com a minha filha nos braços e aproveitar cada momento ao lado dela, até porque né… esperei por isso durante 39 semanas!! rs
Até que chegou o dia… tivemos alta depois de uma estadia super tranquila na maternidade e foi aí que tudo começou.


Entrei em casa e a partir desse momento já não sabia o que fazer. Como agir com aquela coisinha minúscula e tão dependente de mim?? Não imaginava como seriam os dias com ela e nem como seria essa nova vida, era tudo muito novo pra mim. Como seria depois que o pai dela voltasse das férias?? e quando as pessoas que estavam me ajudando no resguardo não estivessem mais por perto??
Comecei a ter uns sintomas estranhos, muito medo, chorava muito, uma tristeza que parecia não acabar nunca. Mas como eu poderia estar triste tendo realizado o meu sonho de ser mãe??? Ao mesmo tempo que eu sentia isso, eu também ficava triste por estar triste nesse momento lindo da minha vida, entende?? Eu deveria estar nas nuvens com a chegada da minha filha!! rsss
Na mesma semana que cheguei em casa, tive uma alteração na minha pressão, voltei na maternidade e lá me examinaram e eu não tinha ABSOLUTAMENTE NADA!! Meu diagnóstico foi: Crise de ansiedade.
A médica só pediu pra eu tentar descansar e ficar mais calma com todas as novidades que estavam acontecendo na minha vida.
Continuei com os sintomas por mais alguns dias até que ele desapareceu.
Depois de pesquisar um pouco sobre o assunto acabei descobrindo o Baby Blues. Quem aqui já ouviu falar em Baby Blues?? Eu até então, nunca tinha ouvido falar!
Bom… o Baby Blues é caracterizado por um misto de sentimentos e reações como a angústia, a melancolia, medo e alterações de humor que acontecem no período de puerpério.
Esses sentimentos são considerados comuns no período de pós parto, mas veja bem, não vamos confundir o Baby blues com a depressão pós parto. A depressão pós parto é uma doença séria que merece a atenção da família e que exige um acompanhamento médico.
Mas, qual a diferença entre um e outro?? O Baby Blues normalmente é uma condição passageira, que dura no máximo umas duas semanas, não precisa de nenhum tipo de tratamento e é causado apenas pelas alterações hormonais que a mulher sofre durante o pós parto.
Já a depressão pós parto é bem mais grave que o Baby Blues, não passa com o tempo, geralmente acontece com mulheres que já tem um histórico de depressão, é considerada uma doença e precisa de tratamento com um médico psiquiatra e na maioria dos casos um tratamento com remédios.
O  apoio do marido e da família são muito importantes nesse período e acima de tudo muita conversa com a mais nova mamãe é fundamental.

Alguns Sintomas de Baby Blues:

  • Preocupação excessiva com a saúde do bebê, mesmo que ele esteja bem
  • Ansiedade e nervosismo
  • Dificuldade de se concentrar
  • Cansaço e dificuldade para dormir
  • Vontade de chorar, mesmo sem motivo
  • Irritabilidade
  • Mudanças de humor

Importante!!!

Se os sintomas não desaparecerem em até 15 dias o ideal é procurar a ajuda de um profissional.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *